Ouça o Som do Céu!

sábado, 11 de abril de 2009

A VERDADE SOBRE O ARREBATAMENTO!

Uma pesquisa recente da revista U.S. News & World Report descobriu que 61 por cento dos americanos acreditam que Jesus Cristo vai voltar à terra, e 44 por cento acreditam no Arrebatamento da Igreja.[1] O que é o Arrebatamento? Com tamanha certeza popular, por que há tanta confusão interpretativa a respeito desses acontecimentos? A doutrina do Arrebatamento pré-tribulacional é um ensino bíblico importante não apenas por oferecer percepções interessantes sobre o futuro, mas também porque oferece aos crentes motivação para a vida contemporânea.
O Arrebatamento pré-tribulacional ensina que, antes do período de sete anos conhecido como Tribulação, todos os membros do corpo de Cristo (tanto os vivos quanto os mortos) serão arrebatados nos ares para o encontro com Jesus Cristo e depois serão levados ao céu.
O ensino do Arrebatamento é mais claramente apresentado em 1 Tessalonicenses 4.13-18. Nessa passagem Paulo informa seus leitores de que os crentes que estiverem vivos por ocasião do Arrebatamento serão reunidos aos que morreram em Cristo antes deles. No versículo 17 a palavra "arrebatados" traduz a palavra grega harpazo, que significa "dominar por meio de força" ou "capturar". Essa palavra é usada 14 vezes no Novo Testamento Grego de várias maneiras diferentes.
Ocasionalmente o Novo Testamento usa harpazo com o sentido de "roubar", "arrastar" ou "carregar para longe" (Mateus 12.29; João 10.12). Também pode ser usada com o sentido de "levar embora com uso de força" (João 6.15; 10.28-29; Atos 23.10; Judas 23). No entanto, para nossos propósitos, um terceiro uso é mais significativo. Diz respeito ao Espírito Santo levando alguém de um lugar para outro. Encontramos esse uso em quatro ocorrências (Atos 8.39; 2 Coríntios 12.2, 4; 1 Tessalonicenses 4.17; Apocalipse 12.5).[2]
Esse último uso é ilustrado em Atos 8.39, quando Filipe, ao completar o batismo do oficial etíope, é "arrebatado" e divinamente transportado do deserto até a cidade costeira de Azoto. De modo semelhante, a Igreja será, num momento, levada da terra ao céu. Não deve-se estranhar, portanto, que um autor contemporâneo tenha chamado esse evento peculiar de "O Grande Seqüestro".[...]
Por que a doutrina da iminência é significativa para o Arrebatamento?
O ensino neo-testamentário de que Cristo poderia voltar a qualquer momento e arrebatar a Sua Igreja sem sinais ou advertências prévios (i.e. iminência) é um argumento tão poderoso em favor do pré-tribulacionismo que se tornou uma das doutrinas mais ferozmente atacadas pelos oponentes da posição pré-tribulacionista. Eles percebem que, se o Novo Testamento de fato ensinar a iminência, um arrebatametno pré-tribulacional estará praticamente assegurado.
Definição de Iminência
Qual é a definição bíblica de iminência? O Dr. Renald Showers define e descreve iminência da seguinte maneira:

1) Um acontecimento iminente é aquele que está sempre "pairando acima de alguém, constantemente prestes a vir sobre ou a alcançar alguém; próximo quanto à sua ocorrência" (The Oxford English Dictionary, 1901, V. 66). Assim, a iminência traz consigo o sentido de que algo pode acontecer a qualquer momento. Outras coisas podem acontecer antes do evento iminente, mas nada precisa acontecer antes que ele aconteça. Se alguma coisa precisa acontecer antes de determinado evento ocorrer, tal evento não é iminente. Em outras palavras, a necessidade de que algo ocorra antes destrói o conceito de iminência.

2) Uma vez que é impossível saber exatamente quando ocorrerá um evento iminente, não se pode contar com a passagem de determinado período de tempo antes que tal evento iminente ocorra. À luz disso, é preciso estar sempre preparado para que ele aconteça a qualquer momento.

3) Não se pode legitimamente estabelecer direta ou implicitamente uma data para sua ocorrência. Assim que alguém marca uma data para um evento iminente, destrói o conceito de iminência, porque ao fazer isso afirma que um determinado intervalo de tempo deve transcorrer antes que tal evento ocorra. Uma data específica para um evento é contrária ao conceito de que tal evento possa ocorrer a qualquer momento.

4) É impossível dizer legitimamente que um evento iminente vai acontecer em breve. A expressão "em breve" implica que tal evento precisa ocorrer "dentro de um tempo pequeno (depois de um ponto específico designado ou implícito)". Em termos de contraste, um evento iminente pode ocorrer dentro de um pequeno intervalo de tempo, mas não precisa fazê-lo para ser iminente. Espero que você perceba, agora, que "iminente" não é igual a "em breve".[3]
O fato de que Jesus Cristo pode voltar a qualquer momento, mesmo que não necessariamente em breve, e sem a necessidade de qualquer sinal anterior à Sua vinda, requer o tipo de iminência ensinado pela posição pré-tribulacionista e é um forte apoio ao pré-tribulacionismo.
Que passagens do Novo Testamento ensinam essa verdade? Os versículos que afirmam a volta de Cristo a qualquer momento, sem aviso prévio, e aqueles que instruem os crentes a esperar e aguardar a vinda do Senhor ensinam a doutrina da iminência.
Observem-se as seguintes passagens do Novo Testamento:

• 1 Coríntios 1.7 – "...aguardando vós a revelação de nosso Senhor Jesus Cristo".
• 1 Coríntios 16.22 – "Maranata!"
• Filipenses 3.20 – "Pois a nossa pátria está nos céus, de onde também aguardamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo".
• Filipenses 4.5 – "Perto está o Senhor".
• 1 Tessalonicenses 1.10 – "e para aguardardes dos céus o Seu Filho...".
• 1 Tessalonicenses 4.15-18 – "Ora, ainda vos declaramos, por palavra do Senhor, isto: nós, os vivos, os que ficarmos até à vinda do Senhor, de modo algum precederemos os que dormem. Porquanto o Senhor mesmo, dada a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor. Consolai-vos, pois, uns aos outros com estas palavras".
• 1 Tessalonicenses 5.6 – "Assim, pois, não durmamos como os demais; pelo contrário, vigiemos e sejamos sóbrios".
• 1 Timóteo 6.14 – "que guardes o mandato imaculado, irrepreensível, até à manifestação de nosso Senhor Jesus Cristo".
• Tito 2.13 – "aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus".
• Hebreus 9.28 – "assim também Cristo, tendo-se oferecido uma vez para sempre para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o aguardam para a salvação".
• Tiago 5.7-9 – "Sede, pois, irmãos, pacientes, até a vinda do Senhor... pois a vinda do Senhor está próxima... Eis que o Juiz está às portas".
• 1 Pedro 1.13 – "Por isso,... sede sóbrios e esperai inteiramente na graça que vos está sendo trazida na revelação de Jesus Cristo".
• Judas 21 – "guardai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo, para a vida eterna".
• Apocalipse 3.11; 22.7, 12, 20 – "Eis que venho sem demora!"
• Apocalipse 22.17, 20 – "O Espírito e a Noiva dizem: Vem. Aquele que ouve diga: Vem.
Aquele que dá testemunho destas cousas diz: Certamente venho sem demora. Amém. Vem, Senhor Jesus!"
Ao considerarmos as passagens mencionadas acima, observamos que Cristo pode voltar a qualquer momento, que o Arrebatamento é de fato iminente. Somente o pré-tribulacionismo pode dar um sentido pleno, literal, a tal acontecimento iminente. Outras posições sobre o Arrebatamento precisam redefinir iminência de maneira mais elástica do que indica o Novo Testamento. O Dr. John Walvoord declara: "A exortação a que aguardemos a ‘manifestação da glória’ de Cristo para os Seus (Tito 2.13) perde seu significado se a Tribulação tiver que ocorrer antes. Fosse esse o caso, os crentes deveriam observar os sinais."[4] Se a posição pré-tribulacionista sobre a iminência não for aceita, então haverá sentido em procurar identificar os eventos relacionados à Tribulação (i.e., o Anticristo, as duas testemunhas, etc.) e não em esperar o próprio Cristo. O Novo Testamento, todavia, como demonstrado acima, uniformemente instrui a Igreja a olhar para a volta de Cristo, ao passo que os santos da Tribulação são exortados a observar os sinais.
A exortação neo-testamentária a que nos consolemos mutuamente pela volta de Cristo (João 14.1; 1 Tessalonicenses 4.18) não mais teria sentido se os crentes tivessem, primeiro, que passar por qualquer porção da Tribulação. Em vez disso, o consolo teria que esperar a passagem pelos eventos da Tribulação. Não! A Igreja recebeu uma "bendita esperança", em parte porque a volta do Senhor é, de fato, iminente.
A Igreja primitiva tinha uma saudação especial que os crentes só usavam entre si, conforme registrado em 1 Coríntios 16.22: a palavra "Maranata!" Esta palavra é constituída de três termos aramaicos: Mar ("Senhor"), ana ("nosso"), e tha ("vem"), significando, assim, "Vem, nosso Senhor!" Como outras passagens do Novo Testamento, "Maranata" só faz sentido se uma vinda iminente, ou seja, a qualquer momento, for pressuposta. Isso também serve de apoio à posição pré-tribulacionista.
Não foi à toa que os antigos cristãos cunharam essa saudação peculiar que reflete uma ansiosa expectativa pelo cumprimento dessa bendita esperança como uma presença real em suas vidas cotidianas. A vida da Igreja em nossos dias só teria a melhorar se "Maranata" voltasse a ser uma saudação sincera nos lábios de crentes que vivem com esta expectativa. Maranata!

RESSURREIÇÃO E ARREBATAMENTO!

"Porquanto o Senhor mesmo, dada a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor" (1 Ts 4.16-17). Não se trata aqui de uma ressurreição geral. Somente os mortos em Cristo e os vivos em Cristo serão ressuscitados ou transformados. Todos os demais mortos permanecerão nas suas sepulturas até o dia do juízo final. O que é descrito aqui é uma ressurreição seletiva dentre os mortos e realmente diz respeito somente àqueles que estão em Cristo.
Em João 5.28-29 o Senhor mencionou duas diferentes ressurreições: "Não vos maravilheis disto, porque vem a hora em que todos os que se acham nos túmulos ouvirão a sua voz e sairão: os que tiverem feito o bem, para a ressurreição da vida; os que tiverem praticado o mal, para a ressurreição do juízo." E quando Jesus desceu do monte com Seus discípulos depois da Sua transfiguração, Ele lhes disse algo que muito os admirou e que até então eles ainda não tinham ouvido. Trata-se de uma expressão totalmente nova em relação ao arrebatamento:
"Ao descerem do monte, ordenou-lhes Jesus que não divulgassem as coisas que tinham visto, até o dia em que o Filho do Homem ressuscitasse dentre os mortos. Eles guardaram a recomendação, perguntando uns aos outros que seria o ressuscitar dentre os mortos?" (Mc 9.9-10).
Jesus foi o primeiro que ressuscitou dentre os mortos (At 26.23; Cl 1.18; 1 Co 15.20). Também 1 Coríntios 15.23 fala disso: "Cada um, porém, por sua própria ordem: Cristo, as primícias; depois, os que são de Cristo, na sua vinda." Esta afirmação, em conexão com 1 Tessalonicences 4.16, explica que todos os que estão em Cristo ressuscitarão dentre os mortos. Esta é a chamada "primeira ressurreição" (Ap 20.5-6). As outras pessoas, as que não estavam em Jesus, que não pertenciam a Ele pela fé salvadora e, assim, não tinham um relacionamento pessoal com Ele, serão ressuscitadas mil anos mais tarde e então irão para o inferno (Ap 20.11-15).
Na primeira ressurreição/arrebatamento o Senhor Jesus deixará o Seu trono e, vindo do céu (da casa do Pai), aparecerá nos ares (1 Ts 4.17). Ele não virá de maneira visível sobre a terra, mas permanecerá na atmosfera superior. Os espíritos/almas dos que dormiram nele O acompanharão, como provavelmente também o arcanjo Miguel. Então serão ressuscitados primeiro os corpos dos que morreram em Cristo. Logo a seguir, os corpos dos que ainda estiverem vivos serão transformados. Então a Igreja será arrebatada coletivamente ao encontro do Senhor nos ares, entre nuvens, e Ele levará Sua noiva para a casa do Pai. A Igreja terá então deixado seu lugar na terra e João 14.1-6 estará cumprido. Tudo isso naturalmente acontecerá numa fração de segundos (comp. 1 Co 15.51-53).

Estar para sempre com o Senhor
"...e, assim, estaremos para sempre com o Senhor. Consolai-vos, pois, uns aos outros com estas palavras" (1 Ts 4.17-18). Esta garantia: "...estaremos para sempre com o Senhor", é um consolo eterno acima de tudo o que é passageiro neste mundo... A partir desse momento, nada mais estará sujeito à morte para qualquer filho de Deus. Todas as tristezas do passado, todas as misérias e tentações, todas as perguntas, tudo será esquecido e respondido por este fato: "...estaremos para sempre com o Senhor." "Estaremos para sempre com o Senhor" significa que a Igreja estará sempre onde Jesus estiver; ela participará de toda a Sua riqueza divina. Então se cumprirá o que está escrito em Tito 2.13:
"...aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus."
"Aguardando ansiosamente aquele tempo quando se verá a sua glória – a glória do nosso grande Deus e Salvador Jesus Cristo" (A Bíblia Viva).
Mas quem não tem Jesus cai num abismo insondável de desespero. Aquele que não tem Jesus perde a bendita e eterna esperança. Justamente nesta passagem da ressurreição e do arrebatamento, a Bíblia nos mostra que haverá pessoas que estarão dentro (1 Ts 4.16) e pessoas que estarão fora (v.12), que haverá pessoas cheias de esperança e pessoas sem esperança (v.13), pessoas que estarão para sempre com o Senhor e pessoas eternamente separadas dEle (v.17), pessoas consoladas e pessoas sem consolo (v.18). Aquele que não está em Cristo não tem nenhum relacionamento com Deus; tal pessoa está "fora", sem esperança, porque não tem lar. Uma pessoa sem Jesus ficará eternamente sem consolo e sem paz.

Como você pode ganhar o direito de morar na casa do Pai celestial, adquirir a esperança de "estar para sempre com o Senhor" e transmitir esse consolo também para outros? Decidindo-se por Jesus Cristo e por Sua obra de salvação consumada na cruz – também por você. Se você aceitar isso pela fé, 1 Tessalonicenses 4.14-18 realmente se cumprirá também em sua vida. Por isso, decida-se totalmente por Jesus Cristo, o Filho do Deus vivo! A Palavra do Deus Eterno lhe diz em Jó 11.13 e 18: "Se dispuseres o coração e estenderes as mãos para Deus... Sentir-te-ás seguro, porque haverá esperança". (Norbert Lieth - http://www.chamada.com.br)

quinta-feira, 9 de abril de 2009

CURIOSIDADES BÍBLICAS

Você Sabia que a Biblia?

O nome "Bíblia" vem do grego "Biblos", nome da casca de um papiro do século XI a.C.. Os primeiros a usar a palavra "Bíblia" para designar as Escrituras Sagradas foram os discípulos do Cristo, no século II d.C.;
Ao comparar as diferentes cópias do texto da Bíblia entre si e com os originais disponíveis, menos de 1% do texto apresentou dúvidas ou variações, portanto, 99% do texto da Bíblia é puro. Vale lembrar que o mesmo método (crítica textual) é usado para avaliar outros documentos históricos, como a Ilíada de Homero, por exemplo;
É o livro mais vendido do mundo. Estima-se que foram vendidos 11 milhões de exemplares na versão integral, 12 milhões de Novos Testamentos e ainda 400 milhões de brochuras com extratos dos textos originais;
Foi a primeira obra impressa por Gutenberg, em seu recém inventado prelo manual, que dispensava as cópias manuscritas;
A divisão em capítulos foi introduzida pelo professor universitário parisiense Stephen Langton, em 1227, que viria a ser eleito bispo de Cantuária pouco tempo depois. A divisão em versículos foi introduzida em 1551, pelo impressor parisiense Robert Stephanus. Ambas as divisões tinham por objetivo facilitar a consulta e as citações bíblicas, e foi aceita por todos, incluindo os judeus;
Foi escrita e reproduzida em diversos materiais, de acordo com a época e cultura das regiões, utilizando tábuas de barro, peles, papiro e até mesmo cacos de cerâmica;
Com exceção de alguns textos do livro de Ester e de Daniel, os textos originais do Antigo Testamento foram escritos em hebraico, uma língua da família das línguas semíticas, caracterizada pela predominância de consoantes;
A palavra "Hebraico" vem de "Hebrom", região de Canaã que foi habitada pelo patriarca Abraão em sua peregrinação, vindo da terra de Ur;
Os 39 livros que compõem o Antigo Testamento (sem a inclusão dos apócrifos) estavam compilados desde cerca de 400 a.C., sendo aceitos pelo cânon Judaico, e também pelos Protestantes, Católicos Ortodoxos, Igreja Católica Russa, e parte da Igreja Católica tradicional;
A primeira Bíblia em português foi impressa em 1748. A tradução foi feita a partir da Vulgata Latina e iniciou-se com D. Diniz (1279-1325).

CURIOSIDADES BÍBLICAS

Quantas Vezes a Bíblia Registra a Palavra Deus e a Palavra diabo?

Registra 8000 vezes a palavra Deus e 177 a palavra diabo.

CURIOSIDADES BÍBLICAS

Quantas Letras, Palavras, Versículos e Capítulos são Encontrados em uma Edição da Bíblia ?

São encontrados : 3.566.480 letras, 810.697 palavras, 31.173 versículos e 1.189 capítulos

CURIOSIDADES BÍBLICAS

A Bíblia:

- O livro maior é o dos Salmos, com 150 capítulos.-
O livro menor é II João.-
O capítulo maior é Salmos 119.-
O capítulo menor é salmos 117.-
O capítulo 37 de Isaías e o 19 de II Reis são iguais.-
Foram usados três idiomas em sua confecção: Hebraico, grego e aramaico.-
Foi escrita em aproximadamente 1600 anos, por uns 40 autores e contém 66 livros.-
A Palavra SENHOR é encontrada na Bíblia 1853 vezes e REVERENDO 1 vez no Salmo 111:9.-
O verso maior é Ester 8:9.-
O verso menor é Êxodo 20:13.-
O verso central é Salmos 118:8.- Texto áureo da Bíblia: João 3:16

CURIOSIDADES BÍBLICAS

Como Jesus se Referiu a Si Mesmo ?

Jesus se referiu como: O filho do homem e pelo menos 80 vezes.

CURIOSIDADES BÍBLICAS

Qual é o Nome do Personagem Bíblico Que Mais Aparece na Bíblia ?

É o nome de Davi, e parece cerca de 1105 vezes.

CURIOSIDADES BÍBLICAS

O Destino dos Apóstolos !

Todos os apóstolos que andavam com Jesus morreram como mártires, com exceção de dois: Judas Iscariotes, que traiu Jesus e acabou se enforcando, e João, que após ser exilado na ilha de Patmos, obteve a liberdade e morreu de morte natural.

PAULO, que não era apóstolo oficialmente, foi considerado apóstolo do gentios por causa da sua grande obra missionária nos países gentílicos. Foi decapitado em Roma por ordem de Nero.
MATIAS, que ficou no lugar de Judas Iscariotes, foi martirizado na Etiópia.
SIMÃO, o zelote, foi crucificado.
JUDAS TADEU morreu como mártir pregando o evangelho na Síria e na Pérsia.
TIAGO (o mais jovem), pregou na Palestina e no Egito, sendo ali crucificado.
MATEUS morreu como mártir na Etiópia.
TOMÉ pregou na Pérsia e na Índia, sendo martirizado perto de Madras no monte de São Tomé. BARTOLOMEU serviu como missionário na Armênia, sendo golpeado até a morte.
FILIPE pregou na Frigia e morreu como mártir em Hierápolis.
ANDRÉ pregou na Grécia e Ásia Menor. Foi crucificado.
TIAGO (o mais velho) pregou em Jerusalém e na Judéia. Foi decapitado por Herodes.
SIMÃO PEDRO pregou entre os judeus chegando até a Babilônia, esteve em Roma, onde foi crucificado com a cabeça para baixo.

CURIOSIDADES BIBLICAS

No Dia do Juízo Final Não Será Aberto Apenas o Livro da Vida... Mas Outros:

Em Ap 20.12, a Bíblia faz referência ao Livro da Vida, porém antes do mesmo verso diz: Abriram-se os Livros. Isto significa que há outros livros, como 1º)Livro do corpo, Sl 139.16, 2º)Livro das Lágrimas, Sl56.8, 3º)Livro da Maldição,Zc5.1-3, 4º)Livro das Palavras, Ml3.13-16; Sl69.28.

HALLOWEEN - FELIZ DIA DAS BRUXAS!


O Halloween é comemorado no dia 31 de outubro. Nesta matéria, você vai conhecer um pouco do que vem ser esta festa que está se infiltrando em nosso país através das escolas de inglês e ainda se espalhando pelos demais meios de ensinopúblico e particular.Tudo parece ser muito divertido e sem nenhuma maldade, mas na realidade a FESTA DO HALLOWEEN é uma comemoração pagã, e por detrás de todo este "divertimento" existem muitas coisas ocultas que, na maioria das vezes, não são reveladas aos seus participantes. Seja você evangélico ou não, o ICP, preocupado em informar a sociedade a respeito desta festividade, está trazendo importante esclarecimento sobre este assunto.

O QUE É HALLOWEEN?

Halloween é uma comemoração que utiliza imagens de bruxas e suas vassouras, gatos pretos, fantasmas e esqueletos e ainda crianças fantasiadas, fazendo travessuras de casa em casa.Enquanto há pessoas que se interessem pelas origens do halloween e seus enfoques em sangue, morte, terrir e ocultismo, esta comemoração tem sido para milhões de jovens uma forma de diversão amedrontadora, onde aproveitam a oportunidade para fantasiar-se no personagem de uma bruxa, de um vampiro, fantasma ou demônio. Passam a noite de casa em casa solicitando doces ou feixes de maçãs.Outros festejam em casas mau assombradas. Os mais ousados passam a noite nos cemitérios, em cerimônias espirituais, buscando o contato com os mortos.Hoje um dos maiores divulgadores do halloween tem sido o sistema de escolas públicas na América, Europa e Inglaterra, patrocinando as atividades desta festa, através de concursos de fantasias; danças, carnavais, projetos de artes e artesanatos.AS autoridades de educação relatam que as festividades do halloweem conquistam mais esforços e desempenho do que qualquer outro feriado, como Natal e Páscoa.Esta festividade não se concentra somente na diversão de crianças, mas tornou-se um grande acontecimento promocional. atraindo um grande investimento de miutos empresários que ganham bilhões de dólares em lucro.O número de lojas especializadas em criar trajes está cada vez mais macabros cresceu nos últimos tempos.Existem lojas que vendem tanto neste período, que o lucro obtido é suficiente para o ano todo.
Os agricultores também olham o halloween com olhos de grande lucro.As abóboras são acessórios usados pelas famílias por toda a nação norte-americana como decoração das "lanternas de jack". Isto rende cerca de milhão de dólares aos seus proprietários, somente no sul da Califórnia.A festa do halloween ta'mbém é manipuladas pelos diretores e produtores de filmes de terror. Cerca de 20% de toda a renda de longa metragem é dos filmes relacionados ao halloween.
Uma pesquisa informa que os dois maiores tipos de filmes preferidos são pornografia e terror.Hollywood continua a investir naatração frequente da sociedade em filmes que incluem satanismo e ocultismo. Para maior eficácia de suas produções, eles contratam bruxos, feiticeiros e satanistas, como conselheiros que garantamautentidade á reprodução e a performance dos rituais, feitiços, maldições e sacrifícios.Nas duas últimas décadas estes filmes se tornaram mais reais do que nunca.O halloween está associado a rituais satânicos, onde anualmente neste dia seus sumo-sacerdotes são consagrados, e sacrifícios de diversas espécies inclusive humanos são realizados, seguidos de muitas orgias.Neste dia, devido ao desaparecimento de adultos, crianças e animais, a polícia passou a suspeitar e associar estes desaparecimentos aos rituais ocultistas celebrados durante a noite do halloween, alertando a população á maior vigilância de suas crianças e animais.Durante o período desta festa, todos os cristãos coscientes, não deixam seus filhos saírem ás ruas sozinhos.

OS DRUÍDAS

A maioria dos costumes do halloween são reminiscências de superstições pagãs relacionado ao "sawine" ano novo druítico.Os druídas eram sacerdotes influentes, mágicos e feiteceiros das religiões que cultuam a natureza que prevaleciam a muito tempo na Europa.Estas crenças nativas influenciaram a cultura Celta por cerca de 2000 anos, até a introdução ao cristianismo. Os druídas antigos adotavam a baal, um dos mais poderosos de todos os reis dos demônios. Baal é consideradoo rei que está no poder do leste.Os druídas são pessoas de todos os tipos de vida: estrelas de cinema e televisão, médicos, advogados, dentistas, psicólogos, professores, faxineiros, qualquer tipo de pessoa pode ser um druída.A ordem dos druídas foi inaugurada em Londres, no seu ciclo mais recente, em 1717, quando um número de druídas do País de Gales, Escócia, Irlanda e Inglaterra se uniram e deram início aos rituais cerimoniais que são realizados até hoje.O ano novo chamado "sawine" era um dos festivais considerados mais importantes dos Stales. Os sacerdotes druíticos levavam o povo a cerimoniais de adoração diabólicas, nas quais eles sacrificavam animais e seres humanos em matanças ritualísticas.Hoje na tradição moderna, segundo um druída praticante, os sacrifícios humanos não são mais realizados, pois o ressurgimento da tradição pagã não traz a necessidade antigas práticas do barbarismo.Somente na Ingleterra, acredita-se que exista UM MILHÃO de pessoas que praticam bruxaria. Há tantas pessoas praticando bruxarias quanto há cristãos comprometidos.Segundo bruxos e feiticeiros, o paganismo está ressurgindo grandemente, na mesma proporção que o cristianismo.Um dos principais conceitos dos druídas (bruxos, feiticeiros ...), está relacionado ao seu íntimo contato com a natureza, com o objetivo de aprender como sarar o planeta. Este conceito levou muitos de seus integrantes a se envolver-se com movimentos ecológicos nos dias de hoje.A base da comunicação dos druídas (bruxos, feiticeiros ...), está na meditação, para através dela se comunicarem com os espíritos dos mortos, almas desencarnadas.

DIA DOS MORTOS: SUA ORIGEM

O halloween é frequentemente confundido como o Dia de Todos os Santos ou véspera de Finados.A celebração original cristã costumava ser em maio, com o objetivo de homenagear a morte de cristãos que morreram por sua fé, mas pela influência da igreja católica, no século IX, mudou-se para novembro. Uma pequena veia cristã tenta encobrir um festival antigo dos mortos que se tornou não apenas uma prática secular, mas notória, como o feriado mais favorito de bruxos, feiticeiros e adoradores do diabo (satanistas).

SATANISMO

A maioria dos satanistas, por estarem envolvidos em crimes hediondos, mostram-se á sociedade como pessoas extremamente normais.Todos os atuais costumes e símbolos do halloween, têm suas origens no antigo dia dos mortos Celta. A prática doTrick or Treat (engano ou divertimento), vem da tradição celta, onde as pessoas davam comidas em troca de bençãos dos espíritos mortos. Falhar em suprir os alimentos, resultaria em retaliação demoníaca.

SÍMBOLOS

A Lanterna de Jack- As lanternas de Jack, surgiram da tradição celta, de esculpir as faces de espíritos demoníacos em nabos e mais tarde em abóboras. A face de abóbora iluminada, da lanterna de Jack é um símbolo antigo de uma alma condenada. As abóboras ou caveiras com velas acesas em casa significam que os ocupantes eram solidários a Satanás e receberiam misericórdia dos espíritos e dos "trick or treat" nos halloweens.Fogueira de ossos-Talvez uma das mais horríveis práticas dos druídas no ano novo, eram sacrifícios humanos que ocorriam á meia noite. Adultos e crianças igualmente eram lançados em grandes fogueiras, enquanto celebrantes dançavam em volta deles em forma de abandono. Á luz da manhã, apenas cinzas e ossos restariam. Estas fogueiras eram chamadas "fogueiras de ossos", que é de onde obtivemos a tradição da fogueira de ossos hoje.Gatos pretos-Através desta prática dos druídas, surgiu surgiu também a tradição de que os gatos pretos eram reencarnação do morto mau, e possuíam poderes e conhecimentos sobrenaturais.Feixes para maçãs (vassouras)- O feixe para maçãs fazia parte de uma cerimônia de fertilidade divina sexual do ano novo druída. Quando usados nos rituais de bruxaria estes objetos, supostamente transformavam a energia sexual liderada durante orgasmo em energia física.

COMENTÁRIO

Compreendendo a origem pagã do halloween, não podemos mais declarar ignorância. Somos chamados a uma posição. Nós cristãos, temos que nos posicionar contra práticas pagãs que têm se infiltrado em nosso meio, levando muitos cristãos a cultuarem a satanás.A bíblia é muito clara, ao dizer que: "não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas sim contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as ostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais" (Ef 6.12). Esta é a nossa luta. Como igreja do senhor sobre a face terra,nós temos que quebrar os nossos conceitos pessoais e preconceitos, e nos unirmos como um corpo na presença do Senhor, para destruir as fortalezas, os conselhos e toda altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus (II Co 10.4b-15).

Gislaine Parisi - Pastora da Comunidade Cristo é Vida, membro do Conselho de Pastores de Bauru,SP

ROUPAS NÃO VÃO E NEM LEVAM AO INFERNO... MAS EXPRESSAM O QUE VOCÊ É!

"Edifica “Eu me regozijo muito no Senhor; a minha alma se alegra no meu Deus. Pois Ele me cobriu com vestes de salvação e me envolveu com o manto de retidão, como o noivo que se adorna com um turbante, e com a noiva que se enfeita com as suas jóias”. Isaías 61:10.


Em seu famoso livro “Você é o que você aparenta”, William Thourlby afirmou que “inconscientemente ou não o vestuário revela um grupo de crenças sobre nós mesmos que queremos que o mundo creia” (1980, pág.52). Tanto isso é verdade que grandes empresários hoje revelam uma preocupação um tanto quanto exagerada com a importância da aparência, do se vestir bem, como definidores para a comercialização dos seus produtos. A Bíblia Sagrada também revela a importância do vestuário. Literal ou simbolicamente podemos perceber através das numerosas histórias e versículos concernentes ao adorno apropriado ou não.

As vestimentas são um testemunho visível e silencioso de nossos valores morais. Digo isto para quem tem condições de escolher a roupa que quer se vestir. Não que um traje elegante represente uma pureza de espírito e uma honradez de caráter. Sabemos que muitas pessoas de mau caráter se escondem por trás de um fino traje destacado socialmente. Mas não é para essas pessoas a quem me dirijo; e sim, aos filhos de DEUS; aos que possuem um traje espiritual incorruptível com os costumes mundanos. Essas pessoas, diferentes das outras, devem expressar a sua Luz através também de um vestir-se convenientemente. Afinal, ninguém deve se vestir para agradar ao outro, mas para a glória e o louvor de DEUS. Quando uma pessoa se sente à vontade para se vestir de qualquer jeito ou de uma maneira extravagante, prova, no primeiro caso, o quanto DEUS não é valorizado em sua vivência; e no segundo, revela uma imagem altamente egocêntrica (que gosta de atrair a atenção para si). As roupas que usamos são importantes para os cristãos porque servem de moldura para revelar a imagem d`Aquele a quem servimos e fomos feitos à Sua semelhança. Se formos pensar cuidadosamente em porquê fomos chamados por JESUS para ser “Luz do mundo” (Mateus 5:14), concluiremos que o “ser luz” não está apenas na beleza de nossas atitudes, como também em nossa aparência exterior.

A aparência do cristão serve para diferenciá-lo do mundo e reflete o Senhor a quem ele profere. Aliás, não só as roupas, como o nosso falar, o nosso caminhar, o nosso pensar e o nosso existir. A questão do egocentrismo é mais séria do que parece: não só põe o “eu” em relevância como estimula o pecado no outro. Isaías censura judias ricas por seu orgulho evidenciado por se adornarem da cabeça aos pés com jóias cintilantes e vestes caras. Elas seduziram os líderes, os quais eventualmente levaram a nação à desobediência e castigo divino: “Diz o Senhor: visto que as filhas de Sião se exaltam e andam de pescoço erguido, e têm olhares impudentes e, quando andam, como que vão dançando, e fazendo retinir os ornamentos dos seus pés, o Senhor fará tinhosa a cabeça das filhas de Sião, e o Senhor porá a descoberto a sua nudez. Naquele dia tirará o Senhor os seus enfeites: os anéis dos artelhos, as toucas, os colares em forma de meia lua, os brincos, os braceletes, os véus, os diademas, as cadeias dos artelhos, os cintos, as caixinhas de perfume e os amuletos, os sinetes e os anéis pendentes do nariz, os vestidos diáfanos (transparentes), os mantos, os xales, as bolsas, os espelhos, as capinhas de linho, e as tiaras e os véus” (Isaías 3: 16-23).

Outra história bíblica vem do esforço de Jezabel para induzir os israelitas à idolatria. A corrupção do seu coração é revelada pela tentativa que fez em sua última hora de parecer sedutora, pintando os seus olhos e adornando-se para a chegada do novo rei, Jeú: “Então Jeú foi a Jezreel. Quando Jezabel o soube, pintou em volta dos olhos, enfeitou a cabeça, e olhou pela janela” (2 Reis 9:30). Mas o rei não foi enganado e ela morreu de uma morte desonrada. Por causa disto, seu nome tornou-se símbolo de sedução na história do Livro Sagrado: “Mas tenho contra ti que toleras a Jezabel, mulher que se diz profetiza. Com o seu ensino ela engana os meus servos, seduzindo-os a se prostituírem e a comerem das coisas sacrificadas aos ídolos” (Apocalipse 2:20). Há muitos outros casos na Bíblia que poderiam ser explicitados, como o de Ezequiel contra as mulheres Oolá e Oolibá; o de Jeremias, que usou de uma alegoria para representar o abandono político a Israel. Nesta alegoria achamos cosméticos e jóias que são usadas para seduzir os homens à prática de adultério. Essas e outras experiências nos ensinam o quanto o uso de adornos pode contribuir para uma rebelião com DEUS.

Em 1 Timóteo, o apóstolo Paulo nos faz uma advertência: “quero que, do mesmo modo, as mulheres se ataviem (se enfeitem) com traje decoroso, com modéstia e sobriedade, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos dispendiosos, mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras” (2:9-10). Vestir-se moderadamente implica em cobrir adequadamente as partes do corpo que possam despertar impulsos sexuais no outro. DEUS nos convida a nos vestir modesta e decentemente, não só para prevenir o pecado, como também, preservar a intimidade. E quanto ao uso de calças compridas, não há problema algum desde que o corte esteja estabelecido para qual sexo. Mulheres não devem vestir roupas elaboradas exclusivamente para o uso masculino nem o contrário disso. O objetivo é de manter a distinção dos sexos que foi estabelecida desde a criação do mundo. Em Deuteronômio está escrito: “A mulher não usará roupa de homem, nem o homem roupa de mulher, pois quem faz tal coisa é abominável ao Senhor teu Deus” (22:5). A Bíblia não estabelece que tipos de roupas são de homens ou de mulheres, mas nos ensina a respeitar a distinção de um sexo e outro.

O cristão precisa ter muito cuidado: atualmente as modas lançadas tendem a abolir a distinção de homem e mulher. Também não podemos nos conformar com os valores e estilos sociais. Outro dia uma irmã ia passando em frente a um posto de gasolina vestida de saia colorida, botas coloridas, blusa colorida, duas “marias chiquinhas” prendendo o cabelo e a Bíblia embaixo do braço. Logo os bombeiros do posto gritavam para ela: “olha lá a xuxinha indo à igreja!”. Observe o que escreveu Paulo à Igreja em Roma: “Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12:2). É certo que há líderes religiosos impiedosos hoje em dia recaindo em extremos perigosos, pondo um julgo pesado e uma opressão desnecessária aos seus membros. Transformam a Casa de DEUS em empresas de homens e tratam os filhos de DEUS como empregados desobedientes, que não querem se adaptar ao fardamento profissional. Muitos não sabem nem dão a importância de mostrar amorosamente o que a Bíblia ensina. O “vestir-se” não é o principal exercício de santidade. JESUS pede um coração puro, um espírito quebrantado, um caráter justo; e essas coisas não dependem das indumentárias exteriores. O vestuário não faz o cristão, mas revela a sua identidade. As roupas não vão nem levam ao inferno, mas além de expressarem o que somos para nós mesmos, a nossa família e a nossa igreja, podem se tornar para o mundo mais um brilho transformador de nosso testemunho e de como DEUS é glorificado em nossa vida.

COMO FUGIR DO MUNDO DA SENSUALIDADE!


Por: Eneas Tavares de Oliveirawebmaster@centralgospel.com.br

Hoje em dia com o surgimento da Internet, tornou-se “EXTREMAMENTE FÁCIL” o acesso a qualquer tipo de material, seja qual tipo for, tanto para edificação como para ruína espiritual. Infelizmente este último parece estar prevalecendo cada vez mais. Existem muitas pessoas, até mesmo entre os cristãos, que estão arruinando suas vidas espirituais devido ao mau uso da Internet. Às vezes, por curiosidade, entram em sites de conteúdo pornográfico, baixam ou assistem vídeos e fotos eróticas, entram em salas de bate-papo erótico, e por ai vai... Sozinho, quarto fechado, ninguém por perto para ficar sabendo... É muito fácil ter acesso a tudo isso ! Basta clicar e lá está !!! Tudo diante de seus olhos !!! Ainda mais se for Internet de banda larga. Isso sem falar nos DVD’s e VHS, que as bancas estão vendendo cada vez mais baratos e aos montes! Misericórdia!!!Enfim, o fato é que nunca houve tanta abertura para se viver diante de tanta sensualidade explícita como se vive nos dias de hoje. É uma praga!!! Foi refletindo sobre este assunto que o Senhor colocou no meu coração o desejo de escrever esta matéria. O Senhor praticamente me intimou a escrever esta matéria!!! Escrever matérias nem é minha especialidade! É incrível, me sinto como o apóstolo Paulo, escrevendo uma carta para ajudar a diversas pessoas! Considero esta matéria como um tipo de “AJUDA DIVINA URGENTE” para ajudar a muitas pessoas a se libertar deste tipo de aprisionamento carnal. Leia abaixo os motivos pelas quais não vale a pena viver no mundo da carnalidade, ou seja, da prostituição, do adultério, da sensualidade desenfreada, de ficar vendo imagens ou vídeos pornográficos e ficar se masturbando praticamente quase que todo dia. Se você ler, absorver e praticar, você vai ver como vai ser muito mais fácil ser liberto deste mal que assola e destrói a vida daqueles que dão brecha para a atuação maligna nestes dias de extrema perversão sexual que estamos vivendo.
DESVANTAGENS DE VIVER NA SENSUALIDADE DESENFREADA Quando uma pessoa dá brechas para viver na carne, ou seja, prática de sexo à vontade com quem der na cabeça (o famoso “ficar”), tanto na forma de adultério (entre casados) como de prostituição (entre solteiros), ou até mesmo a consumir pornografia, acontece uma espécie de reação carnal em cadeia, ou seja, uma descarga de hormônios da libido do cérebro para o corpo todo, fazendo com que haja uma sensação de “prazer”. Esta reação carnal, uma vez iniciada, é praticamente impossível detê-la. Por isso que, quando nos vemos envolvidos nesta prática, há a sensação de estarmos presos numa cadeia de escravidão, a escravidão do pecado. O GRANDE SEGREDO NO ENTANTO, ESTÁ EM NÃO DAR INÍCIO A ESTE EFEITO DEVASTADOR!!! Leia abaixo as principais desvantagens que acontecem quando nos deixamos levar por estas práticas sensuais, por meio de brechas que nós mesmos abrimos. (consumo de pornografia, sexo desenfreado, ficar com quem quiser, etc...)Principais desvantagens de acionar a libido (sensualidade desenfreada):1. Ocorre uma descarga de hormônios da libido pelo corpo todo, fazendo com que se pense apenas em sexo, sensualidade & cia (libidinosidade). Não há sensação de culpa nestes momentos. Há um prazer enganoso, enganoso porque embora se sinta um “prazer agradável” no momento que se pratica, imediatamente após ter consumado o ato em sí, segue-se geralmente a terrível sensação de culpa, o peso na consciência!!! Na verdade a sensação é de se viver como um animal irracional (Na natureza, apenas os animais praticam sexo com quem cruza o caminho deles). Nós, seres humanos, feitos à imagem e semelhança de Deus, não fomos feitos para vivermos assim! NÃO HÁ GOZO REAL EM SE VIVER ASSIM, pois a nossa alma não se sente preenchida tendo um instinto animal (libido) no comando o tempo todo. A VERDADEIRA SEDE DE NOSSA ALMA É SACIADA APENAS BEBENDO-SE DA ÁGUA CRISTALINA QUE SÓ CRISTO TEM PARA DAR, como Ele mesmo disse: "Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna." João 4:14 ! O resto é como se estivesse bebendo água de esgoto!!! Você já se imaginou bebendo água de esgoto??? Pois é exatamente isso que se faz quando se vive para satisfazer os desejos perversos da carne.2. O ser humano não tem estrutura para viver o tempo todo sob efeito da libido (sensualidade desenfreada), mesmo porque não nasceu para isso. Não há propósito nenhum em viver uma vida de promiscuidade!!! (prostituição, adultério, o “ficar”, etc...) Deus nos fez com o propósito de nos relacionarmos única e exclusivamente com a pessoa que Ele escolheu para viver ao nosso lado, que é o propósito do casamento. Neste caso sim, podemos desfrutar do verdadeiro propósito pela qual Deus criou a sensualidade, uma das alegrias do casamento, desde que desfrutada de forma saudável.. O que passar deste propósito é adultério, prostituição, promiscuidade & cia!!!3. Enquanto se está mergulhado nos prazeres perversos da carne, uma voz na consciência (que é o Espírito Santo convencendo-nos do pecado) fica em segundo plano, reprovando toda a prática de libidinosidade que a carne está desfrutando no momento e ao mesmo tempo fica dizendo toda verdade sobre a prática, passando a sensação de estarmos sendo reprovados por uma comissão espiritual !!! Porém, uma vez sob efeito da sensualidade desenfreada, quem é que vai dar importância pra essa voz da consciência??? Além disso, existe uma onda que se diz que "quanto mais proibido, mais gostoso fica!!!" - Misericórdia!!!4. Perda de tempo útil, que poderia ser aproveitado em coisas úteis, como por exemplo, na realização de projetos de vida, entretenimentos saudáveis, conversas com amigos e familiares e até mesmo momentos para alimentar a alma com a palavra e louvores a Deus. É perda de tempo porque uma vez estando nesse estado, acontece um efeito bola-de-neve, que não se pensa em outra coisa, a não ser saciar-se cada vez mais deste alimento carnal. Misericórdia!!! Esta é uma característica típica de satanás, como ladrão, faz-nos perder tempo, saúde e até a salvação !!! Jesus Cristo já havia dito sobre isso em João 10:10 “O ladrão não vem senão para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. ”5. A prática destas devassidões carnais gera a gravação desses momentos (cenas) na mente, fazendo com que todo o corpo fique tenebroso, gerando o terrível e aprisionador efeito de laço, onde não há como parar e deter tal sensação!!! – Misericórdia !!! O próprio Jesus Cristo já havia dito sobre isso em Mateus 6:22,23 "a candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz. Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso.”
CONCLUSÃO:Não há comparação em se viver LIVRE, LIBERTO DESTA PRISÃO ESPIRITUAL, pois não tem coisa melhor para a alma do que ser dirigida, controlada e alimentada pelo Espírito Santo, onde há harmonia, paz, domínio próprio, ou seja, O VERDADEIRO GOZO PARA A ALMA. É uma real sensação de se beber água cristalina !!! (mesmo!!!) É realmente como JESUS CRISTO disse em João 4:14 “Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna.”

LEIA ESTES CONSELHOS BÍBLICOS PARA NÃO ENTRAR NESTE LAÇO MALIGNO:

COLOSSENSES 3:5"Mortificai, pois, os vossos membros que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o apetite desordenado, a vil concupiscência e a avareza, que é idolatria;"

GALATAS 5:13-2513 Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis, então, da liberdade para dar ocasião à carne, antes pelo amor servi-vos uns aos outros. 14 Porque toda a lei se cumpre numa só palavra, nesta: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. 16 Digo, porém: Andai em Espírito e não cumprireis a concupiscência da carne. 17 "Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne; e estes opõem-se um ao outro; para que não façais o que quereis." 18 Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei. 19, 20, 21 Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o Reino de Deus. 22 Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade. 23 a mansidão, o domínio próprio; contra estas coisas não há lei. 24 E os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências. 25 Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito.

I CORINTIOS 6:12-2012 "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma." 13 "Os manjares são para o ventre, e o ventre, para os manjares; Deus, porém, aniquilará tanto um como os outros. Mas o corpo não é para a prostituição, senão para o Senhor, e o Senhor para o corpo." 14 Ora, Deus, que também ressuscitou o Senhor, nos ressuscitará a nós pelo seu poder. 15 Não sabeis vós que os vossos corpos são membros de Cristo? Tomarei, pois, os membros de Cristo e fá-los-ei membros de uma meretriz? Não, por certo. 16 Ou não sabeis que o que se ajunta com a meretriz faz-se um corpo com ela? Porque serão, disse, dois numa só carne. 17 Mas o que se ajunta com o Senhor é um mesmo espírito. 18 "Fugi da prostituição. Todo pecado que o homem comete é fora do corpo; mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo." 19 Ou não sabeis que o nosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? 20 "Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus."

FILIPENSES 4:8“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.” APLICANDO ESTAS PALAVRAS EM SUA VIDA, VOCÊ ESTARÁ TOTALMENTE LIVRE DO DOMÍNIO DA CARNE !!!DICA: Imprima este artigo e guarde-o, quando se sentir meio fraco espiritualmente, pegue-o novamente e leia-o. Assim o Senhor sempre te fortalecerá !!!

terça-feira, 7 de abril de 2009

A PALAVRA TEM PODER!

O Pensamento cria vida: um pensamento positivo cria situações positivas; um pensamento negativo cria doença, desemprego, depressão e frustrações!!!"No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez."
O Evangelho segundo JoãoJá é hora de compreendermos que devemos ser responsáveis ao falar. As palavras tem uma força própria - seguem a lei da gravidade: ao jogar uma bola para cima ela cairá, e poderá bater na sua cabeça, certo? Imagine então que cada palavra que sai de sua boca vai para cima: num dado momento elas cairão... resta saber: são boas ou más palavras? Imagine que palavras boas são flores perfumadas, e palavras ruins são pedras. O que você está jogando no Universo, flores ou pedras? Cada indivíduo deve ser - conscientemente - responsável pelo que diz...Por outro lado também precisamos aprender a fechar a boca! Por que espalhar aos quatro ventos flores que ainda não colhemos? Quantas vezes você inocentemente contou uma coisa ótima que estava para lhe acontecer e pouco tempo depois ela reverteu completamente? Aprenda a ser um pouquinho egoísta: nosso maior feito deve ser o de poder desfrutar das alegrias e conquistas sem depender de ninguém para compartilhá-las! E se você estivesse absolutamente só no mundo? Não ficaria feliz porque não teria ninguém para contar uma boa nova???Ou, porque espalhar tantas pedras pelo seu caminho... machucar seus pés... porque ser negativo, depreciar-se ou os outros... porque falar mal de uma coisa ou pessoa... se cada um de nós é diretamente responsável pelo que nos acontece?
Experimente esta mentalização todas as manhãs: coloque uma música muito calma e suave. Ouça por alguns minutos, deixe-se levar pela leveza do som. Comece a imaginar um lindo dia ensolarado, e um enorme e lindo campo de flores, as que você preferir; sinta o vento balançando-as, trazendo o perfume suave para dentro de você e limpando seu corpo. Agora olhe para todo o campo e diga: "estas lindas e delicadas flores são minhas palavras e meus pensamentos". Cada vez que você for criticar alguém pense em flores, não em pedras. Entenda: mesmo que você disser uma palavra a alguém, você estará jogando-a para cima da SUA cabeça, e não da outra pessoa (são flores ou pedras?)Algumas dicas para você usar o poder da Palavra: A primeira coisa a fazer é eliminar as palavras negativas do seu vocabulário. Não diga "eu tentei", "eu deveria", "se eu fosse", "eu vou fazer quando puder", etc.Diga:

Eu crio / estou criando
Eu faço / estou fazendo
Eu manifesto / estou manifestando
Eu realizo / estou realizando
Eu tenho a intenção de
Eu sou feliz
Eu tenho saúde
Eu tenho tudo o que preciso
Eu estou sempre protegido
Eu consigo / estou conseguindo
Eu desejo
Eu quero
Eu decido
Eu Sou a manifestação da felicidade
É minha intenção que (...) se realize sem esforço.

A RESPOSTA DE DEUS (BILLY GRAHAM)


Tenho um amigo que certa vez, perdeu o emprego, a fortuna, a esposa e a casa. Em um primeiro momento alguém poderá dizer assim: "Então esse homem perdeu tudo". Porém, ele permaneceu firme na fé. Fé, foi a única coisa que lhe restou.
Um dia, cansado de procurar algo para fazer e ganhar algum dinheiro para comprar o que comer, ele parou para observar alguns homens trabalhando numa igreja enorme. Ficou alí sentado vendo os operários naquela empreita. Em seu silêncio tristonho, ele por um momento, elevou uma prece a Deus e fez o seguinte questionamento:
"Porque será que eu estou passando por tamanha provação? Será que o fui abandonado por ti, Senhor?"
Ele se levantou e já ia retomando sua caminhada quando percebeu um dos trabalhadores com uma pequena marreta e uma talhadeira cinzelando uma pedra triangular.
"O que você vai fazer com essa pedra?" perguntou ao homem. "O senhor esta vendo aquela abertura lá em cima perto da torre mais alta da igreja?", disse o trabalhador. "Estou modelando esta peça aqui embaixo para que ela seja encaixada lá em cima".
Lágrimas brotaram nos olhos desse meu amigo enquanto ele seguia seu caminho. Parecia que Deus havia falado por meio da boca daquele trabalhador para explicar a provação que ele atravessava.
"Eu o estou modelando aqui embaixo para que você seja encaixado lá em cima"

MORAL DA HISTÓRIA
Não desespereis com as barreiras, com as amarguras, com o sofrimento. Dias melhores estão sendo preparados para aqueles que não perderam o mais poderoso elo com Deus: a FÉ...Pense nisso...e tenha um bom dia...

segunda-feira, 30 de março de 2009

ACERTANDO O RUMO DA VIDA ESPIRITUAL!

Nesse novo ano, é o momento oportuno para sérias reflexões sobre erros e acertos e de decisões que possam acertar o rumo da nossa vida espiritual. Estou certo de que hão de aflorar, em nossa mente, inúmeras situações ocorridas no ano passado, que não gostaríamos que voltassem a acontecer. Mais importante, do que tentar corrigir os erros com os nossos esforços pessoais (e é claro que devemos eliminá-los), é adoptar os princípios que nos garantem uma correcta relação com o Senhor, apropriando-nos dos Seus incomparáveis recursos, os quais, se fielmente aplicados à nossa vida espiritual, acertarão o seu rumo. É o meio eficaz de eliminarmos tais erros. Um bom respaldo (motivo) para pormos as coisas em ordem e acertarmos o rumo da vida espiritual, é seguir o exemplo de homens de Deus. Davi é um dos mais dignos que se apresenta. Embora tenha experimentado fracassos, desponta no cenário bíblico como alguém que nunca se deixou naufragar nos erros cometidos, mas buscou sempre, no Senhor e na sua sábia orientação, acertar o rumo da sua vida espiritual, com humildade, sinceridade e firme propósito. Revela-nos, em notáveis poemas e hinos que compôs, segredos maravilhosos que nos conduzem, com segurança, ao acerto do rumo da nossa vida espiritual. Um dos mais expressivos encontra-se no Salmo 16. É a exposição precisa de uma vida que vale a pena seguir! Como seria bom se buscássemos acertar o rumo da nossa vida espiritual, adotando os preciosos conceitos que aí são expostos. O Salmo divide-se em duas partes. A primeira, do v.1 ao v.10, apresenta-nos as condições essenciais da vida espiritual e, no v.11, encontramos as características evidentes da vida espiritual. É peculiar verificar como Davi relaciona o nome do "Senhor" com cada detalhe, tanto das "condições" como das "características" da vida espiritual. O "Senhor" é seguidamente mencionado nessa encantadora exposição poética! Vida espiritual correcta e abundante só acontece quando o Senhor faz parte da nossa experiência de vida (Jo 15:5; 10:10).Dado o curto espaço de que dispomos para esta crónica, vamos nos limitar à enunciação de cada item, sugerindo ao prezado leitor um "mergulho" mais profundo na meditação de cada um, para mais descobrir, e melhor apreciar, a incomparável beleza dos pensamentos desse hino e, assim, se estimular, através deles, a acertar o rumo da sua vida espiritual.

A. Condições essenciais da vida espiritual (vs. 1-10)

1. O Senhor é prioritário e exclusivo vs. 2 - "Tu és o meu Senhor; outro bem não possuo, senão a ti somente."É essa uma condição essencial para acertarmos o rumo da nossa vida espiritual. Esta será sèriamente afectada, na medida em que colocamos outros interesses acima dos que são do Senhor (Ex.20:3). A alienação do Senhor no nosso viver ou a sua troca por "outros deuses" v.4 (idolatria), nos priva da experiência correcta da vida espiritual. Veja o ensino do Senhor Jesus em Mt.6:33.

2. O Senhor é o Supridor suficientev.5 "O Senhor é a porção da minha herança e o meu cálice; tu és o arrimo da minha sorte." A vida física carece de suprimento material. Sem este ela extingue-se. A vitalidade espiritual depende do suprimento espiritual. Sem este ela enfraquece e se esvai. O Senhor é a nossa porção suficiente e o arrimo indispensável à sustentação da própria vida espiritual. O Senhor amplamente dispõe sobre a Sua plena suficiência (Jo.15:5): como o pão da vida (Jo.6:35), como a água viva (Jo.4:10,13,14). Diz-nos que veio para que tenhamos "vida abundante" (Jo.10:10). O Espírito Santo é o divino Supridor suficiente (Jo.14:16-19). Veja Ef.3:20.

3. O Senhor é Conselheiro eficiente v.7 "Bendigo o Senhor, que me aconselha; pois até durante a noite o meu coração me ensina".O bom aconselhamento é fundamental para o sucesso em qualquer empreendimento da vida. Maus conselheiros inviabilizam realizações. O sucesso de nossa vida espiritual depende do aconselhamento do Senhor. A Palavra de Deus é o repertório eficiente, para que estejamos capacitados a vivermos espiritualmente bem, cumprindo, correctamente, os seus Soberanos propósitos. Davi afirma que até durante a noite aprende com os ensinos do Senhor. Devemos manter perfeita e constante sintonia com o Senhor, através da Sua Palavra, meio eficiente de aconselhamento para nortear a nossa vida espiritual (veja Js.1:7-8; Sl.119:105).

4. O Senhor é companheiro inseparável v.8 "O Senhor, tenho-o sempre à minha presença; estando ele à minha direita, não serei abalado".Maus companheiros desviam os nossos passos do rumo certo. Os inconstantes e falsos amigos não contribuem para o nosso sucesso. Davi proclama o valor inestimável de ter o Senhor sempre ao seu lado, como companheiro inseparável, para se manter firme (não abalado) nas realizações da sua vida espiritual. No Sl.23:4 afirma que não tinha medo algum por onde passasse, pois o Senhor estava com ele. (Veja Lc.24:15 a experiência dos discípulos do Senhor que voltavam frustrados para Emaús). O Senhor afirmou que estará connosco todos os dias (Mt.28:20), mas a aceitação da sua companhia é atitude essencial, para que aproveitemos o grande valor que ela representa na correcção do rumo da nossa vida espiritual.

5. O Senhor é a esperança eterna vs.9,10 "...até o meu corpo repousará seguro. Pois não permitirás (o Senhor) que o teu Santo veja a corrupção". O texto encerra preciosa declaração profética messiânica, referindo-se à ressurreição do Senhor Jesus. Mas encerra a convicção que Davi tinha quanto à expectativa da sua eternidade. A esperança eterna é fundamental para acertarmos o rumo da nossa vida espiritual. É gloriosa a promessa do Senhor Jesus aos filhos de Deus em Jo.14:1-3: "... para que, onde eu estou, estejais vós também". Paulo ensina: "... estaremos para sempre com o Senhor"(I Ts.4:17). O acerto do rumo de nossa vida espiritual passa pela certeza da nossa futura ressurreição, garantida esta pela gloriosa ressurreição do nosso Senhor.

B.- As características evidentes da vida espiritual (v.11)1. A direcção do Senhor - "Tu me farás ver os caminhos da vida ..."O pecado nos desviou do caminho da vida espiritual (Is.53:6) A nossa vida sòmente manifestará "espiritualidade" se estiver no caminho certo. Só o Senhor nos fará ver os caminhos da vida. O Caminho é Senhor Jesus Cristo (Jo.14:6). A direcção correcta, que o Senhor nos oferece, está na Sua Palavra (Sl.119:105). Os nossos caminhos não são os caminhos do Senhor (Is.55:7-8). Se quisermos acertar o rumo da nossa vida espiritual, entreguemos os nossos caminhos ao Senhor, confiemos n'Ele e o mais Ele fará (Sl.37:5). Não nos devemos estribar em nosso próprio entendimento, mas devemos reconhecer o Senhor em todos os nossos caminhos, e Ele vai endireitar as nossas veredas (Pv.3:5-6). A direcção do Senhor é uma evidente característica da nossa vida espiritual no rumo certo.

2. A plena alegria do Senhor "Na tua presença há plenitude de alegria"A alegria do Senhor é a notável característica da vida espiritual. Não a confundamos com a alegria da carne, aquela que resulta dos factos e das participações pessoais que o mundo nos oferece e que estão no âmbito dos prazeres da carne. É a alegria do "exterior", que é efémera e acaba quando o espectáculo termina ou quando o pano desce. O Senhor Jesus nos fala da alegria autêntica, em Jo.16:20, 22 e 24. Resulta da Sua presença em nós ("... a vossa tristeza se converterá em alegria. v.20); permanece em nós apesar das circunstâncias adversas ou aflitivas ("... o vosso coração se alegrará, e a vossa alegria ninguém poderá tirar." v.22); é completa ("... para que a vossa alegria seja completa. v.24). A plenitude da alegria do Senhor é uma característica evidente da vida espiritual no rumo certo.

3.- As delícias perpétuas do Senhor "na tua destra, (há) delícias perpetuamente"A expressão "delícias" nos conduz à ideia de "satisfação". A expressão "destra" nos conduz à ideia de "mão supridora". A mão do Senhor está estendida, com todo o suprimento que se faz necessário à nossa vida espiritual. Ele jamais encolheu a Sua mão (Is.59:1). O Senhor Jesus afirmou que ninguém arrebatará as suas ovelhas das Suas mãos (Jo.10:28). No Senhor, nossa vida espiritual estará suprida com delícias perpétuas e, por isso, ficará plenamente satisfeita. Como afirma Davi, o Senhor é o nosso Pastor e nada nos faltará (Sl.23:1). Podemos confiar no Senhor porque Ele nos susterá (Sl.55:22). As delícias perpétuas do Senhor são uma característica evidente da vida espiritual no rumo certo.

Conclusão: No novo ano começou. A retrospectiva do que se foi poderá oferecer-nos constatações não favoráveis. Não nos abatamos com isso. Podemos acertar o rumo da nossa vida espiritual. Que o hino de Davi, no Sl.16, possa ser, no seu inspirado conteúdo, um precioso subsídio para nos ajudar a ter um ano ricamente abençoado, na direcção do Senhor, no usufruto da plenitude da Sua alegria e suprido pelas delícias da Sua abundante destra.

VASOS DE BARRO!


"Temos, porém, este tesouro em vasos de barro para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós" (2Co.4:7)

Há uns 30 anos atrás no estado de Potosí-Bolivia, vivia uma família humilde muito pobre. Daquela família fazia parte Valerio Zárate. Um dia ele recebeu um folheto, leu-o com muita atenção e foi tocado por Deus. Ajoelhou-se junto com a sua mulher e entregaram a suas vidas a Cristo. Ele conseguiu uma Bíblia e começou a lê-la. O seu irmão também se converteu a Cristo. Como não havia igrejas naquela região eles reuniam-se em casa numa forma simples e sem nenhuma instrução, liam a bíblia e comentavam o que liam.Mas aquela família tinha um problema sério, a mãe de Valerio de vez em quando ficava endemoninhada.Então Valério, a mulher e o irmão começaram a orar a ler a Bíblia, a repreender o demônio... mas nada sucedia.Um dia o irmão Valerio teve uma ideia. Pegaram nas prendas da sua mãe, nas suas coisas intimas e particulares e puseram-nas num grande saco. Colocaram-no ás costas e caminharam muitas horas até chegar a um lugar distante. Ali, cavaram um buraco e enterraram tudo.Voltaram para casa e quando chegaram viram que sua mãe estava em pleno juízo, liberta daqueles espíritos os quais nunca mais voltaram a atormentá-la.Conclusão: Enquanto não te desfizeres dos pequenos ídolos que guardas em oculto, Satanás continua a ser líder da tua vida.Podes pensar que não, porque vais á igreja, cantas no coro, participas nos cultos, os crentes gostam de ti....Mas Deus está triste e não tem pleno poder na tua vida porque ainda dás valor aos pequenos ídolos que Lhe retiram a Glória.Enquanto Valério não retirou da casa da mãe o que estava a prende-la ao maligno ela era dominada por ele, mas quando se desfez dos seus prazeres, Deus libertou-a.Deixa Deus te libertar das garras que te prendem ainda ao mundo.

PERGUNTA: - E Você! Tem Algo Que Te Prende a Este Mundo... E Não Te Deixa Enxergar As Coisas de "DEUS"?

O TRIBUNAL DE CRISTO!


O Tribunal de Cristo vai realizar-se logo após o arrebatamento da Igreja ."Mas tu, por que julgas o teu irmão ? Pois todos havemos de comparecer perante o tribunal de Cristo" (Rom 14:10)."Pois todos devemos comparecer perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem, ou mal" (2 Cor 5:10).Neste julgamento todos os santos (crentes em Jesus) terão as suas vidas reveladas pelo Senhor num lugar onde cada um verá aquilo que foi e fez neste mundo para ou na Obra de Deus.Isto é chamado a purificação da igreja. Tudo será trazido à mente e á presença das testemunhas: Os anjos e os santos. As atitudes e negligências cometidas no ministério, a boa e a má administração dos bens espirituais, a boa ou má conduta cristã, tudo será sondado pelo Senhor.

Todo o céu presenciará este julgamento.

E Tudo será revelado (Heb 4:12-13 ; Mat 10:26).(Porque sabemos isto, devemos habitar na plena luz que o Evangelho nos concede. Falar a verdade e procurar cumprir com a vontade de Deus que se revela na Sua Palavra. Isso decerto trará galardão de glória para nós. Como diz Paulo: "Se nós julgássemos a nós mesmos, não seriamos julgados" (1 Cor 11:31),
Ele vai recompensar todo o trabalho das nossas mãos e todo o nosso empenho demonstrado na honra do Seu Nome - ali naquele tribunal.As obras dos santos serão todas provadas pelo fogo; ou seja, tudo será examinado.

Se as fizemos de boa vontade, receberemos galardão, mas se as fizemos com motivos de auto benefício, nada receberemos. Este lugar não será um tribunal condenatório, antes um lugar onde Cristo vai recompensar ou não aqueles que são Filhos de Deus. Ninguém poderá ser condenado porque o Juiz é também o nosso Advogado e Ele afirma que não há mais condenação para aquele que nEle deposita a sua fé. Rom.8.1 - Heb.10.17 e João 3.18.

Cristo, o Juiz vai galardoar-te com coroas e galardões?

Que tens feito na Obra de Deus?

A tua vontade ou a Vontade Soberana de Deus?

O PODER DA LÍNGUA!


A morte e a vida estão no poder da língua (Prov l8; 21). Precisamos de tomar cuidado para não desonrarmos ao Senhor com as nossas palavras; é que por meio delas seremos justificados ou condenados (Mat 12; 36,37).

A velha natureza está sempre activa em nós, se não vigiarmos. Temos necessidade da exortação do apóstolo Paulo para não provocarmos, para não sentirmos inveja, para não julgarmos os outros.

Como estamos prontos para falar mal, e mesmo murmurar uns contra os outros, em vez de actuarmos com graça, reconhecendo as nossas faltas e sobretudo orarmos uns pelos outros (Gál 5; 26, Rom 14; 3, Tiago 4; 11 e 5; 9-16).

No tocante aos nossos pensamentos e sentimentos mútuos, devemos seguir igualmente o exemplo deixado pelo Senhor Jesus Cristo. Devemos ser submissos (sujeitos) uns aos outros, revestidos de humildade, considerando cada um os outros superiores a si mesmo (Col 3; 12, 13). «Revesti-vos, suportai-vos, perdoai-vos»O revestimento (vestir de novo) o novo homem, a nova criatura não é algo que o crente deva construir pelo seu próprio poder. A sua nova identidade toma forma à medida que vai conhecendo melhor ao Senhor. O bom relacionamento do crente com Ele, torna-o apto e pronto a ser tolerante, a perdoar e a amar de verdade.

«Aquele que diz que ama a Deus e aborrece a seu irmão é mentiroso» (I Jo 4; 20). Aquele que diz que não pode perdoar, está a condicionar a acção do Espírito Santo.

«Se alguém cuida ser religioso e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração…» (Tiago 1; 26).

Como cidadãos de uma pátria celestial, somos chamados à prática de uma conduta santa e ao exercício de uma linguagem sã que promova a edificação.
Há quem se glorie em proferir disparates!

A língua é um instrumento de grande poder, ela pode afectar a nossa vida, ela é como um fogo que descontrolado pode causar uma grande tragédia. E a tragédia é que todos temos uma língua que instila veneno, que nem sempre sabemos usar e que nenhum homem pode domar (Tiago 3; 8).

O esforço humano por si só não é suficiente. Ela só pode ser controlada pelo poder de Deus.
Não ignoremos que as más conversações, a blasfémia, o mexerico, a malícia, a mentira, o juramento falso, têm o poder de arruinar, manchar, e corromper todo o carácter moral de uma pessoa ou comunidade.

Os crentes são aconselhados a despojar-se de atitudes e emoções conducentes a uma linguagem destrutiva.
A ira, a cólera, e a malícia são panelas de pressão que rebentam em palavras que magoam e destroem.

Assim, toda a linguagem que ameace destruir o ser humano deve ser evitada, mesmo extirpada.
Na comunidade cristã, convém que sejamos de um mesmo sentimento, pois se assim não for, como podemos cooperar uns com os outros e promover a edificação do Corpo de Cristo?Amar o nosso próximo, passa, implicitamente, por respeitá-lo ainda que com os seus pontos de vista porventura diferentes do nosso e orar por ele. Senão vejamos mais uma vez o conselho da Palavra de Deus em I Pedro 3.8-10.Cuidado! Pagar com a mesma moeda, responder à letra, tornar mal por mal, não é de modo nenhum prerrogativa do verdadeiro filho de Deus. Rom.12. 9-21,mas antes da criatura sem Deus.

Sejam sempre agradáveis as nossas palavras, visando a paz, a união e a felicidade de todos.

PERGUNTA: - Você! Já Tinha Conhecimento do Poder das Suas Palavras?

TRINTA MOEDAS DE PRATA!

E pesaram o meu salário, trinta moedas de prata… E tomei as trinta moedas de prata e as arrojei ao oleiro.
Um dos doze, chamado Judas Iscariotes, foi ter com os príncipes dos sacerdotes e disse: Que me quereis dar, e eu vo-lo entregarei? E eles lhe pesaram trinta moedas de prata
(Zacarias 11:12-13; Mateus 26:14-15).


O Antigo Testamento contém mais de 300 textos que prenunciam os sofrimentos de Cristo e descrevem as circunstâncias que acompanharam a vida de Jesus na terra e Sua morte na cruz.
Cinco séculos antes do nascimento de Cristo, o profeta Zacarias revelou com exatidão o preço que seria pago a Judas por sua traição: trinta moedas de prata. Também anunciou que esse dinheiro, devolvido pelo traidor, seria utilizado para a compra do campo de um oleiro.


Como as demais profecias, esta se cumpriu com precisão. “E os príncipes dos sacerdotes, tomando as moedas de prata, disseram: Não é lícito metê-las no cofre das ofertas, porque são preço de sangue. E, tendo deliberado em conselho, compraram com elas o campo de um oleiro, para sepultura dos estrangeiros… Então se realizou o que vaticinara o profeta Jeremias: Tomaram as trinta moedas de prata, preço do que foi avaliado, que certos filhos de Israel avaliaram. E deram-nas pelo campo do oleiro, segundo o que o Senhor determinou” (Mateus 27:4-7).

É claro que aqueles homens não agiram assim para que se realizassem as profecias que os condenavam. Tudo o que havia sido predito tinha de se cumprir. Mas aqueles líderes religiosos e incrédulos ao mesmo tempo, embora observassem zelosamente as Escrituras das quais eram depositários, não as entendiam. Assim cumpriram a profecia sem ter idéia do que faziam.

PRECE ECUMÊNICA DE JESUS CRISTO!


"Pai, respiração da Vida, Fonte do som, Ação sem palavras, Criador do Cosmos! Faça sua Luz brilhar dentro de nós, entre nós e fora de nós para que possamos torná-la útil. Ajude-nos a seguir nosso caminho, Respirando apenas o sentimento que emana do Senhor. Nosso eu, no mesmo passo, possa estar com o Seu, para que caminhemos como Reis e Rainhas com todas as outras criaturas. Que o Seu e o nosso desejo, sejam um só, em toda a Luz, assim como em todas as formas, em toda existência individual, assim como em todas as comunidades. Faça-nos sentir a alma da Terra dentro de nós, pois, assim, sentiremos a Sabedoria que existe em tudo. Não permita que a superficialidade e a aparência das coisas do mundo nos iluda, E nos liberte de tudo aquilo que impede nosso crescimento. Não nos deixe ser tomados pelo esquecimento de que o Senhor é o Poder e a Glória do mundo, a Canção que se renova de tempos em tempos e que a tudo embeleza. Possa o Seu amor ser o solo onde crescem nossas ações.Que assim seja"!!

++ Esta Oração foi escrita em aramaico, numa pedra branca de mármore, em Jerusalém, no Monte das Oliveiras, na forma que era invocada pelo Mestre. O aramaico era o idioma falado pelos povos da região da Alta Mesopotânia, língua usada pelos povos da região( séc.VI aC.). Jesus sempre falava ao povo em idioma aramaico. Tradução direta do aramaico para o português, sem interferências demonstrando uma profunda e verdadeira beleza, condizente com o Mestre Jesus.

PERGUNTA: - Você Acredita no Poder da Oração?

SEGUIDORES DESTE BLOG

You Tube

Loading...

VÍDEOS GOSPEL

Windows Live Messenger


Assista ao Teatro "Você é Tudo"! Versão Brasileira do "Lifehouse Everything Skit".

NOTÍCIAS GOSPEL

NOTÍCIAS GOSPEL
Notícias do Mundo Cristão

Curítiba-PR

Joinville-SC

Joinville-SC

São Paulo

São Paulo

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Luziânia-GO

Paraíba

Cacoal-RO

Brasília - DF

Rede de Radiodifusão Bíblica em Oito Idiomas: Português, Inglês, Espanhol, Japonês, Chinês, Coreano, Alemão e Russo.

Quem Sou Eu?

Minha foto
Joinville - Araguaína, Santa Catarina - Tocantins, Brazil
Sou Radialista. Exercendo a Função de Locutor, Disck Jóckei, Produtor de Áudio e Mestre de Cerimônia. MSN - mickellsand25@hotmail.com